Cidade do interior tem movimento contra celebração do Golpe de 64

 

A cidade de Piracicaba, no interior do estado de São Paulo, assistiu nesse domingo (31/03) a um movimento de manifestantes que condenavam o golpe de 64 e a ditadura militar que a ele se seguiu.

Aglomerados no viaduto que leva o nome e homenageia o então estudante de medicina Hiroaki Torigoi (um dos milhares de jovens vítimas da ditadura brasileira), os manifestantes gritaram palavras de ordem e renderam suas homenagens à memória de Torigoi e de todas as vítimas desse tenebroso período da história recente do Brasil.

Carregando faixas com a mensagem “Ditadura Nunca Mais”,  o grupo marcou importante presença no cenário local piracicabano – enviando importante mensagem de paz e de luta pelos direitos humanos a todos que passavam pela avenida (a qual, triste e paradoxalmente, tem o nome de 31 de Março).

Confira mais imagens desse movimento em nossa coluna “Imagem”.

Fotos: Wanderley Garcia.

Be the first to comment on "Cidade do interior tem movimento contra celebração do Golpe de 64"

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.


*