Lá do Divino: gastronomia e gentileza

ALE 5

 

Foi-se o tempo em que, no estado de São Paulo, a boa mesa era privilégio da capital paulistana. Apreciar o requinte de quitutes e pratos preparados por chefs e gastrônomos talentosos e arrojados há tempos passou a ser também um prazer possível de ser desfrutado em bistrôs e restaurantes enraizados em pontos estratégicos do interior.

ALE 3Exemplo da arte culinária e do bom gosto da cozinha que pode ser encontrada fora de Sampa, a bistronomia do Lá do Divino: gastronomia e gentileza – localizado na avenida central da estância turística de Águas de São Pedro (a 180 km de São Paulo e a 30 de Piracicaba) – exige ser apreciada por quem não resistem ao exercício sensual e sensorial do divino pecado da gula.

ALE 4Aberto de quinta a segunda-feira – das 11h às 22h/23h – o Lá do Divino oferece a seus frequentadores uma culinária variada e literalmente dos deuses. Aproveitando a calma interiorana da estância termal, vale passar no Lá do Divino e saborear um de seus irresistíveis cafés – preparados com blends especiais e selecionados pelo chef (e proprietário do bistrô) Fábio de Pádua.

ALE 9

Na seção dos cafés imperdíveis, destaque para o Capuccino Brasileiro (sorvete de creme, café espresso, brigadeiro e cacau) e para o Capuccino Italiano (leite vaporizado, café espresso, cacau e canela). E no friozinho que agora se aproxima, nada como sorver demoradamente um delicioso Chocolate Quente de Colher  ou bebericar a dois um Mocaccino (pedaços de chocolate meio amargo, café espresso, leite vaporizado e cacau).

ALE 1Para os amantes do vinho ou cerveja, no Lá do Divino se oferecem também preciosidades de Baco garimpadas por Fábio de Pádua – cabendo destacar também as deliciosas cervejas artesanais da HZB (Halb Zehn Bier). Para acompanhar, sanduíches no pão ciabatta – destaques para Beagá (feito com queijo minas salteado na manteiga, azeitonas pretas chilenas e rúcula) e para Paixão Mediterrânea (com salmão salteado no azeite, queijo brie, mel, hortelã e manjericão). Como sobremesa, que tal um churros com brigadeiro de ovomaltine ou com doce de leite de viçosa – ou ainda um rechonchudo brigadeiro?

ALE 2Divinas e divinos também são, no Lá do Divino, as massas, os filés e os peixes. Apreciando a bistronomia do lugar, não deixe de saborear o Filé Mignon Salteado na Manteiga de Garrafa, com Linguine, Alho, Óleo de Oliva e Salsinha. Ou perca-se nas delícias da Lasanha de Salmão (ao molho de cúrcuma, vinho branco, salmão aos pedaços e tiras de parmesão). Os apreciadores da carne bovina podem se deixar levar pela força do Gnocchi ao Ragu de Rabada e Agrião ou ainda entregarem-se à Papardelle à Bolonhesa.

 

Aos divinos sabores Lá do Divino misturam-se também a excelente seleção musical – escolhida atentamente pelo próprio chef. O ambiente charmoso e agradabilíssimo, pleno de uma energia contagiante e de um alto astral calmo, porém marcante, dão o toque final às divindades da cozinha de Fábio de Pádua.

 

ALE 8

 

Indo a Águas de São Pedro, peque sem medo em Lá do Divino. Lá, os prazeres da gula são todos perdoados.

 

 

 

 

—————————————

Alexandre_-_JP_-_21dez08[1]

 

 

 

 

 

Alê Bragion é comilão e editor do Diário do Engenho.

 



advertisement

7 Comments on "Lá do Divino: gastronomia e gentileza"

  1. Meu amigo.
    Aqui fico sem palavras para expressar meu agradecidamento. Deixo as batidas do coração conversar.
    Valeu Alê…
    Maravilhoso

  2. Excelente atendimento agregado às delícias servidas… É um prazer ir até o Lá Do Divino, orgulho e sorte de ter bem aqui pertinho.

    Obrigada, Fábio!!! Eu sou fã!

    Parabéns pela matéria Alê Bragion.

  3. O lugar é realmente inovador, uma delicia … O atendimento é ótimo, e a culinária além de deliciosa e linda !

  4. Muitos momentos memoráveis passei no Lá do Divino! Inevitável não passar por lá quando vou à Águas, uma das minhas cidades queridas.
    Parabéns pela matéria!

  5. Ficou bem legal a matéria ,, e o bistrô realmente é fantástico, tudo lá é de deixar com água na boca e gostinho de “quero mais” . Abç

  6. Renan Spolidorio | 23 de maio de 2014 at 18:51 | Responder

    Indicação feita, anotada e conferida!
    Saboreei um gnocchi ao molho de gorgonzola, catupiry e parmesão com um delicioso mignon salteado na manteiga de garrafa! Maravilhoso!
    De sobremesa, o famoso Churros Divórcio, que… bem, é melhor ir ao Lá do Divino e pedir um desses para se ter uma ideia do que é.
    Obrigado pela ótima indicação, Alê! Certamente voltarei mais e mais vezes.

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.


*